quarta-feira, 15 de abril de 2009

vida doce,dolce pingo...

São as mesmas pedras da calçada de há um ano e uns meses atrás...Desta vez eu subi sem olhar para trás. Fará diferença? Será por desta vez não ter um barco para onde embarcar no dia seguinte? Será por desta vez ter um encosto? Um airbag? Uma cadeira? Algo que me agarre?Será que até me dá sorte? É muito o cinzento de um centro comercial,de uma zona de shoppings café escolas,de uma zona sem nada. Com queixas de ser sempre igual e sem essência se encheriam vários livros de reclamações. Mas e quem se esquece que pode dizer cinquenta coisas diferentes,de cinquenta dias diferentes,que aconteceram em cada uma das cinquenta pedras dos cinquenta caminhos que se podem fazer ali, de tão pequeno. Pouco a pouco fazem parte da nossa história. Mas para a semana subo eu,são pedras também,mas contam outras vivências. Talvez me levem às árvores.. Os mosaicos da calçada podem ser como os velhinhos que jogam às cartas nas cadeiras,ou como albuns de fotografias. Ou apenas mosaicos.

Sem comentários: